21 3620-7151 comercial@codax.com.br

 

O teste de função pulmonar (Espirometria) mede a capacidade respiratória, ou seja, a quantidade de ar que um indivíduo é capaz de colocar para dentro e para fora dos pulmões e a velocidade com que o faz. Em pacientes com doenças como asma, bronquite, enfisema, fibrose e outras doenças pulmonares, a espirometria, feita periodicamente, serve para avaliar o efeito do tratamento médico.

 

Espirometria e a sua importância

 

A espirometria serve para avaliar o funcionamento do sistema pulmonar, ela averigua as funções respiratórias em pré-operatórios ou até mesmo em pessoas sadias que queiram aferir sua capacidade respiratória (como os atletas, por exemplo). Ela indica se a quantidade de ar inspirado está sendo suficiente para as necessidades do indivíduo ou se há alguma restrição.

Para a realização do exame não é necessário fazer jejum, porém deve-se evitar bebidas que têm cafeína, pois ela pode deixar suas vias respiratórias mais relaxadas, permitindo a entrada de mais ar do que o habitual ou bebidas alcoólicas cerca de seis horas antes do início do procedimento. Nas horas que antecedem ao exame o paciente também deve evitar fazer exercícios físicos e o uso de cigarros.

Todas as indicações devem ser levadas em consideração para que os resultados do exame sejam os mais eficientes possíveis. Em caso que conviva com tosses e chiados frequentes, consulte imediatamente um médico especialista e agende uma espirometria. Para maior entendimento é fundamental saber como é a realização do procedimento nas clínicas especializadas

 

O exame pulmonar e a utilização do Espirômetro

 

A espirometria é uma análise não invasiva e indolor, que dura cerca de meia hora. Em geral, o paciente fica sentado e deverá soprar através de um tubo com bocal, conectado a um Espirômetro. Um clipe nasal tampará seu nariz, garantindo que toda respiração seja feita pela boca e tenha que passar pelo aparelho.

Você é convidado a encher o pulmão ao máximo e depois soltar esse ar o mais rapidamente possível. O espirômetro, então, mede o volume de ar que foi expelido e a velocidade que isso ocorreu.

O teste poderá ser repetido, depois de aplicado ao paciente uma medicação, geralmente sob a forma de spray nos casos de exames clínicos. No geral, o sopro da espirometria dura em torno de 6 segundos, mas pode variar conforme o tamanho dos pulmões de cada pessoa.

Esse procedimento gera, no computador, uma série de curvas, tabelas e gráficos que o médico analisará e que fornecerá uma série de parâmetros que o informarão sobre as condições ventilatórias do paciente.

 

O médico especialista e a realização do procedimento

 

O exame de espirometria pode ser realizado por pneumologistas e técnicos em espirometria. O que pode levar o médico a pedir que seu paciente faça este procedimento é o funcionamento dos pulmões que pode precisar de uma avaliação. Alguns dos problemas mais comuns que podem levar o especialista a solicitar o exame são:

 

  • Determinar a causa de problemas respiratórios
  • Diagnosticar algumas doenças pulmonares, tais como asma ou doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC)
  • Diagnosticar doenças de circulação, como hipertensão pulmonar
  • Fazer o acompanhamento de doenças pulmonares já diagnosticadas
  • Avaliar a função pulmonar de uma pessoa antes de uma cirurgia
  • Verificar a função pulmonar de uma pessoa que é regularmente exposta a substâncias que podem danificar os pulmões, como fumantes e trabalhadores exposto à poeira e produtos químicos
  • Verificar a eficácia do tratamento de doenças pulmonares.

 

Durante o exame, o Espirômetro monta um gráfico que mede o ar que está saindo ao longo do tempo, e com isso são gerados vários índices numéricos. No resultado do procedimento, são expressos os valores do paciente e os valores ideais – ou seja, os valores padrões para uma pessoa com a mesma idade, altura, peso e outras características.

Juntamente com os valores numéricos da espirometria, o resultado do exame também conta com gráficos que ilustram a respiração do paciente e as observações do especialista por escrito. A espirometria apresenta pouco ou nenhum risco para as pessoas. Se você tem alguma doença cardiovascular ou pulmonar, é importante discutir os riscos com seu médico.

 

Tipos de Espirometria

 

tipos de espirometria

 

Na investigação de doenças pulmonares os pneumologistas procuraram separar a espirometria em duas modalidades: Clínica ou Ocupacional. A Espirometria Clínica, também chamada de exame de sopro ou prova de função pulmonar, é a mais completa para analisar ou diagnosticar problemas no sistema pulmonar.

Diferente da espirometria clínica, a Espirometria Ocupacional não necessita de uso de broncodilatador. O exame é mais simples, onde é realizada apenas a primeira fase de sopro para calcular as variáveis e concluir se está ocorrendo algum comprometimento do sistema respiratório durante o trabalho.

Com o crescimento e consagração da medicina ocupacional, a espirometria acompanhou a tecnologia e se manteve junto aos exames rotineiros de trabalhadores que se expõem a locais com poluição do ar. A espirometria contribui para triagem de eventuais colaboradores que possam desenvolver doenças ocupacionais pela exposição aos poluentes.

 

Veja também: Curta nossa página do Facebook

 

Conclusão

 

Se você sente falta de ar, tem longos períodos de tosse ou apresenta algum outro tipo de problema respiratório consulte seu médico. De acordo com o caso, será necessário a realização de espirometria para identificar a causa desses sintomas e se esses podem ter envolvimento com algum tipo de doença pulmonar.

Lembre-se sempre que problemas respiratórios podem interferir negativamente no seu dia a dia, então a qualquer sinal ou sintoma estranho, procure imediatamente um médico e deixe sempre a sua saúde em boas mãos. Você já realizou algum exame pulmonar ou já trabalhou em algum procedimento na área da saúde? Deixe um comentário e compartilhe sua experiência conosco.

A CODAX Médica lhe convida para conhecer o seu ambiente virtual. Nele você encontra nossa linha de produtos para a área médica, que possui o que há de mais prático e eficiente em Eletroestimulação (Sikuro) e Espirometria (Spiromatic e SPIROM3). Além disso, o nosso site possui uma grande variedade de produtos essenciais para a área da saúde. Cadastre-se em nossa loja virtual para adquirir os seus equipamentos com melhores preços e condições disponíveis no mercado.

 

 

Facebook Comments

Related Post

Seja bem vindo ao Blog da CODAX Médica! Seja bem vindo ao novo blog da CODAX Médica! Aqui você encontrará novidades, artigos e dicas sobr...
Conheça 5 segmentos que trabalham com a Eletroestimulação A Eletroestimulação é um recurso terapêutico que serve para tonificação ou analgesia neuromuscular m...
Conheça os benefícios da acupuntura na medicina veterinária   A acupuntura é uma terapia originária da Medicina Tradicional Chinesa que consiste na apli...